Envelhecimento com uso de bioestimuladores

COMO TER UMA PELE MAIS JOVEM

 

Quem não gostaria de retardar o envelhecimento, ou rejuvenescer, ou ter uma pele saudável e sem flacidez?

Com o passar dos anos, a produção de colágeno diminui e a degradação dele aumenta, ou seja, o implacável envelhecimento.

Os bioestimuladores são substâncias injetadas em derme profunda, capazes de induzir o organismo, através dos fibroblastos, a produzir colágeno. As fibras colágenas são proteínas que oferecem resistência a forças tênseis e de tração, devolvendo a pele, certo volume, trazendo uma aparência natural, jovial, além de reduzir a flacidez e melhorar o contorno da face, na região malar, mandibular e reduzindo sulcos e rugas.

 

BENEFÍCIOS DOS BIOESTIMULADORES

 

Podemos enumerar vários benefícios dos bioestimuladores:

  • Aumento do volume da pele;
  • Aumento de espessura da pele;
  • Promove alterações duradouras na pele, preservando o aspecto natural;
  • Recupera contornos da face;
  • Suaviza marcas e linhas de expressão;
  • Induz formação de colágeno;
  • Alto índice de satisfação entre os pacientes.

 

Os resultados dos tratamentos com bioestimuladores, não são totalmente vistos de imediato, pois devemos lembrar que o ciclo da síntese (formação) de colágeno, gira em torno de 28 dias. Preconizamos em média 3 sessões de aplicação, com intervalo de 1 mês.

Seus efeitos podem durar, de acordo com seus fabricantes, até 4 anos dependendo do produto utilizado.

 

TIPOS DE BIOESTIMULADORES

 

No mercado, hoje, temos alguns bioestimuladores:

 

Ácido Polilático

Comercialmente conhecido como SCULPTRA, Ácido Polilático, é um bioestimulador injetável, de origem não animal, biocompatível e bioabsorvível. Faz um tratamento tridimensional, uma vez que trata as três camadas da pele, suavizando os sinais de envelhecimento de dentro para fora.

Injetado em derme profunda, ele estimula a produção de colágeno, combatendo a flacidez, aumentando a espessura da pele, suavizando linhas de expressão e devolvendo contorno e volume facial.

Recomendamos três sessões com intervalo de 30 a 45 dias, de acordo com a resposta de cada paciente.

Após a aplicação temos um pequeno inchaço, causando um lifting, já bem visto pelo paciente, mas é transitório. Após uns dois meses, após a neocolagenase, começamos ver de fato o resultado do tratamento.

Durabilidade do tratamento pode chegar até dois anos, dependendo dos bons hábitos e tratamentos complementares executados pelo paciente.

Podemos ter como efeito adverso, formações de pápulas e nódulos, caso o paciente não faça a massagem que é orientado a fazer. Geralmente fazemos o método 5 X 5 X 5, ou seja, cinco minutos de massagem, cinco vezes ao dia, durante cinco dias.

 

Policaprolactona

Comercialmente conhecido como Elansé, a policaprolactona (PCL) é bioestimulador, polímero biodegradável, absorvível, usado para correções de irregularidades e assimetrias, eliminação de rugas e definição de linhas faciais.

É aplicado também em derme profunda e como os outros bioestimuladores, ele trabalha estimulando a formação de colágeno.

Seu grande diferencial, seria a durabilidade, prometendo o fabricante, durar até quatro anos, dependendo da escolha do profissional.

Em suas versões, temos o Elansé S (1 ano), Elansé M (2 anos), Elansé L (3 anos), Elansé E (4 anos).

 

Hidroxiapatita de Cálcio

As marcas comerciais desse bioestimulador mais conhecidas, seriam o Radiesse (Merz) e o Diamond (Innovapharma, mesmo fabricante do Rennova), tendo esse produto a vantagem de trabalhar como volumizador também.

A hidroxiapatita é quimicamente semelhante ao componente mineral dos ossos e do esmalte dental dos mamíferos.

Também aplicada em derme profunda e sub-cutâneo, é considerado um implante dérmico estéril, apirogênico, viscoso, opaco e injetável.

Recomendamos três sessões com intervalo de 30 a 45 dias, de acordo com a resposta de cada paciente.

Os resultados são bem vistos após dois meses da primeira aplicação.

 

CUIDADOS AO FAZER USO DE BIOESTIMULADORES

 

De maneira geral, as contraindicações são as mesmas para todos os bioestimuladores:

 

Contra indicado

  • para gestantes e lactantes;
  • portadores de doença auto imune;
  • inflamação ou infecção no local a ser tratado;
  • região ao redor dos olhos e da boca;
  • pacientes que sofram de patologias de pele;
  • pacientes com tendência de formação de quelóide e cicatrizes hipertróficas;
  • pacientes com transtornos de coagulação;
  • pacientes com herpes;

 

Devemos ressaltar, que não só podemos, como devemos conciliar outros tratamentos para ajudar a combater o envelhecimento, ficando atento a tratamentos dérmicos baseados em ultrassom, laser ou peeling químico profundo que está contraindicado a realização do bioestimulador até a cura completa da pele.

 

NOVIDADES EM BIOESTIMULADORES

 

Como estamos sempre atrás de novidades, em breve aqui no Brasil, prometendo revolucionar a área de bioestimuladores, está chegando o pó de PDO, que já é usado em muitos países e aqui infelizmente ainda não tem ANVISA. Mas aguardem, pois em breve traremos mais informações a respeito.

 

Deixe seu Comentário